jump to navigation

HOUSE 4×01 (Série) quarta-feira 26 setembro, 2007

Posted by Dude in House, Séries.
trackback

Ep. 4×01 – Alone (Inédito no Brasil)

Sinopse: Com seu time de diagnósticos totalmente desfeito, House tenta diagnosticar o estranho quadro clínico de uma jovem mulher que sobreviveu ao desabamento de um prédio. Com a situação ficando cada vez pior, Cuddy coloca pressão em House para que ele contrate um novo time, mas em vez disso ele tenta um diagnóstico diferente com a ajuda do zelador do hospital.

House

A recém iniciada temporada de séries nos EUA trouxe várias novas produções, mas é fato afirmar que pelo menos com relação ao dramas, tudo acaba sempre girando em torno dos memos temas. Há os familiares, os investigativos, os que exploram o universo adolescente, os policiais, os de ficção científica e finalmente claro, os dramas médicos. E é justamente sobre este último que várias séries concentram suas histórias. Temos a consagrada Grey’s Anatomy, a já tradicional ER, a polêmica Nip Tuck e a mais novata de todas, Private Practice, o que inegavelmente nos leva à conclusão de que se dependesse da tv ninguém ficaria doente e se ficasse bastaria recorrer à uma consulta com o médico mais anti-social, esquisito, grosseiro, sarcástico, inteligente e divertido de todos, o Dr. Gregory House protagonista da série que leva seu nome.

Já consagrada pelo público e pela crítica, House iniciou ontem sua 4ª temporada com um novo panorama para o seu protagonista. Sozinho e sem seu time de diagnósticos (que pediu demissão no final da 3ª temporada) para auxiliá-lo e servir de capacho para suas manias obtusas, House tem que lidar com a pressão de contratar um novo time ao mesmo tempo em que precisa encontrar a solução para o quadro clínico bizarro de uma paciente vítima de um desabamento. E é justamente nesse cenário que House chuta o balde e busca uma alternativa inusitada que aponte um caminho que ajude-o a delimitar possíveis diagnósticos para a paciente.

A série desde seu início mantém a mesma estrutura de episódios. Há sempre um paciente central com uma estranha doença de difícil diagnóstico e House destilando seu sarcamo e inteligência no percurso que indique uma cura. Quem não conhece, pode até pensar que não há graça no enredo dos episódios, mas o fato é que a série consegue repetir o mesmo tema com rara capacidade criativa, textos primorosos e claro, com a fantástica interpretação de Hugh Laurie. A nova temporada começou bem e o final do episódio deixou um gosto muito bom do que vém pela frente, já que o processo seletivo da nova equipe de diagnósticos promete render histórias primorosas e sem qualquer dúvida recheadas de um drama bem pontuado com humor inteligente.

Por Davi Garcia

 

Anúncios

Comentários»

1. Michel - quarta-feira 26 setembro, 2007

Como é bom voltar a assistir House!! Gostei de mais desse episodio!!

http://www.pilotobrasil.blogspot.com


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: