jump to navigation

Redes de tv americanas preparam-se para voltar ao trabalho quarta-feira 6 fevereiro, 2008

Posted by Dude in 24 Horas, Big Bang Theory, Brothers & Sisters, C.S.I., Californication, Cane, Dexter, Greve dos Roteiristas, Grey's Anatomy, Heroes, Journeyman, K-Ville, Matérias, Notícias, Pushing Daisies, Séries, SuperMáquina, The Office, The Tudors.
add a comment

Possibilidade de acordo acelera planos de contingência

Por Nellie Andreeva para o The Hollywood Reporter
Traduzido e adaptado por Davi Garcia

Depois de quase 3 meses, os telefones dos agentes começaram a tocar de novo na última segunda-feira em função do burburinho surgido no final de semana em Hollywood apontando o iminente fim para a greve dos roteiristas.

As conversações ainda estão na fase exploratória uma vez que o acordo entre os roteiristas e os estúdios ainda está sendo finalizado, contudo o plano de contingência traçado pelas redes de tv e pelos estúdios aponta que séries já conhecidas voltariam ao ar na média de quatro semanas (caso das comédias) a seis semanas (caso dos dramas) depois do anúncio oficial de término da greve.

Quão rápido cada série pode voltar à produção depende do status dos roteiros antes da greve. O tempo de preparação necessário para as comédias seria de duas semanas e para as séries dramáticas mais elaboradas quatro. Contudo, as redes não devem dar sinal verde para que todas as séries voltem a produzir novos episódios essa temporada, o que não significa necessariamente que essas séries serão automaticamente canceladas.

“Cada rede de tv precisa decidir quais séries voltam para terminar a temporada”, disse um executivo de canal.

Algumas séries novatas e dramas mais complexos podem não ter novos episódios essa temporada mas poderiam ser confirmadas para a próxima dando a seus times criativos tempo para trabalhar, dizem algumas fontes. Dentre as séries apontadas como prováveis candidatas a retomarem suas produções no verão estão Heroes da NBC, que poderia ter uma exibição prolongada na próxima temporada, e a elogiada Pushing Daisies da ABC.

Contudo, outros apontam que as redes podem querer ter mais episódios de todas as suas séries prontos como contingência caso uma greve dos atores aconteça no meio do ano.

24 Horas da Fox também é uma das séries apontadas como uma das que prontamente retornarão à produção. Apesar da provável possibilidade da série não ter novos episódios exibidos nesta temporada, ela seria retomada rapidamente para evitar a perda de alguns dos atores necessários para o arco dos 24 episódios e cujos contratos vencem em breve.

Outras que também devem ter suas produções retomadas rapidamente são: Grey’s Anatomy, Lost, Desperate Housewives e Brothers & Sisters da  ABC; a franquia CSI, Without a Trace e Cold Case além das comédias Two and a half Men e The Big Bang Theory todas da CBS e Til Death da Fox.

The Office daNBC tem um roteiro pronto para ser rodado, já que à época do início da greve dos roteiristas, Steve Carell (estrela da série) recusou-se a cruzar a linha dos piquetes para trabalhar.

O fim da greve também trará respostas sobre o futuro das séries de baixa audiência que foram colocadas no limbo por causa da greve. Não se espera que sejam solicitados novos episódios de séries como Big Shots da ABC, Cane da CBS, Jounrneyman da NBC e K-Ville da Fox, embora algumas fontes indiquem que Cane ainda pode ter chances de sobreviver já que é a única que tem vários roteiros prontos.

As coisas ficam mais complicadas quando o assunto são séries em desenvolvimento. Todas as redes com exceção da NBC deram adeus ao desenvolvimento de novas séries no mês passado por causa da greve. Elas ainda podem optar por lançarem pilotos nessa temporada, mas quando a greve acabar, elas estarão em um período no qual normalmente todos os pilotos já receberam sinal verde ou não. E por isso para ter algo novo na tela, elas teriam que recorrer aos rascunhos discutidos antes já que poucos novos roteiros foram entregues antes da paralisação.

Poucos pilotos incluindo The Oaks da Fox e o filme/piloto da Supermáquina da NBC,  foram filmados durante a greve. Vários outros incluindo The Man of Your Dreams da NBC e os dramas da Fox The FBI e Saint of Circumstance estão programados para entrar em produção logo após o fim da greve.

Um iminete fim da greve não traria qualquer mudança aos planos das redes de tv a cabo americanas.

Caso a greve termine no final do mês, roteiros seriam produzidos logo depois para os dramas The Closer e Saving Grace da TNT que poderiam ser exibidas ainda durante o verão americano conforme eram esperadas.

Já para as séries do canal USA, um portavoz declarou que a programação de verão do canal também permaneceria praticamente intacta se a greve terminar ao longo das próximas semanas. As datas de estréia de algumas séries teriam que ser adiadasmas apenas por algumas semanas.

Já o Showtime também não enfrentaria problemas, uma vez que as gravações da segunda temporada de The Tudors já foram encerradas e as de Brotherhood, Dexter e Californication não devem começar antes de junho.

Anúncios

SÉRIES: Notas e Comentários da Semana segunda-feira 19 novembro, 2007

Posted by Dude in Big Bang Theory, Bionic Woman, Cane, Chuck, Gossip Girl, Grey's Anatomy, House, Journeyman, K-Ville, Private Practice, Pushing Daisies, Samantha Who?, Séries, The Office.
1 comment so far

Séries exibidas nos EUA entre os dias 11 e 17 de Novembro de 2007

A semana passada trouxe várias participações especiais de rostos conhecidos em várias séries, como por exemplo a de Kevin Weisman (o Marshall de Alias) e Rachel Bilson (a Summer de The O.C.) em Chuck, onde ela participará de mais episódios, Mark Pellegrino (o Paul de Dexter) em K-Ville, Paul Schulze (o Ryan Chappelle de 24 Horas) em Journeyman, Roger Cross (o Curtis de 24 Horas) em Bionic Woman, e Madeline Zima (a Mia de Californication) e D.B. Woodside (o Wayne Palmer de 24 Horas) em Grey’s Anatomy.

DexterEp. 2×07 – That Night, A Forest Grew

Sinopse: Um manisfesto escrito pelo Bay Harbor Butcher traz caos ao trabalho da força tarefa responsável em pegá-lo. Tudo parte do plano de Dexter de ser mais pró-ativo na tentativa de manter o agente Lundy longe de seu encalço. As coisas porém começam a sair do controle quando a influência de Lila começa a atrapalhar a vida pessoal de Dexter.

Leia os comentários aqui.

Chuck 1x03Ep. 1×08 – Chuck versus the Truth

Sinopse: Chuck precisa descobrir como balancear uma vida amorosa de verdade quando conhece uma jovem chamada Lou. Ao mesmo tempo, seu relacionamento com Sarah fica mais interessante quando eles precisam dar mais veracidade ao disfarce quando saem com Ellie e o ‘capitão incrível’. Enquanto isso, surge um problema quando um veneno da verdade é usado para roubar códigos que dão acesso à instalações nucleares.

Geralmente o episódio subsequente a um marcante de uma série desaponta, mas não foi o caso com o 8º de Chuck. Se o anterior já dava sinais de que a trama caminhava para uma nova direção, esse veio confirmar a idéia. Desde o 1º episódio tem sido divertido ver a interação de Chuck e Sarah, e se é notória a química entre os dois, a entrada de um novo interesse amoroso para Chuck pode movimentar a trama forçando-o a dividir-se ainda mais entre a vida na Buy More e os trabalhos de espião, o que certamente renderá situações ainda mais interessantes para o universo da série. Muito bom ver o eterno Marshall participando do episódio e como vilão, o que tornou sua aparição ainda mais curiosa.

Big Bang Theory 1x03Ep.1×08 – The Grasshopper Experiment

Sinopse: Os pais de Raj armam um encontro às escuras, e quando ele descobre que não consegue falar com ela, a moça se interessa por Sheldon.

Se não tivemos as já comuns cenas de flerte entre Penny e Leonard, não faltaram as engraçadíssimas discussões entre a loirinha e sistemático Sheldon. Ri muito quando ele pediu a coca diet indiretamente e na cena da cantoria bizarra que ele emendou., sem contar o fato dele ter roubado a ‘princesa’ prometida de Raj. Definitivamente mais um episódio da série.

Heroes 2x03 Ep. 2×08 – Four Months Ago

Sinopse: Os eventos dos quatro meses que se passaram entre o final da 1ª temporada e o início da 2ª são revelados. Vemos como Peter foi parar na Irlanda e o que aconteceu com Nathan, Niki e D.L.

Leia os comentários aqui.

Prison Break 3x04 Ep. 3×08 – Bang & Burn

Sinopse: Susan coloca a vida de Mchael em risco quando ela coloca seu próprio plano de fuga em ação. Sofia descobre pequenos segredos do passado de Whistler, e a Companhia vai atrás dela e de Lincoln e Sucre. Mahone descobre seu destino.

Leia os comentários aqui.

K-Ville 1x04 Ep. 1×06 – AKA

Sinopse: Glue Boy é ferido em ação por causa de uma decisão de Cobb que o faz sentir-se culpado o bastante para revisitar seu passado de criminoso e trabalhar disfarçado.

É, não vai ter jeito. K-Ville acaba de ser cancelada da minha lista. Além de ver Cobb fazer tudo errado durante o trabalho de infiltrado em sua ex-gangue, como vasculhar coisas com os caras por perto e sair de um bar à luz do dia conversando com Boulett de uniforme, a historinha do até então casamento fracassado de Boulett sendo recuperado como metáfora para a própria recuperação de Nova Orleans foi pra lá de chata para não dizer forçada e é por essas e por outras que eu dou um tchau definitivo para a série.

Journeyman 1x03 Ep. 1×08 – Winterland

Sinopse: Dan conhece uma hippie que se envolveu em um crime que causou mortes. Katie descobre um segredo do passado de Livia. Quando Dan é envolvido em uma investigação, seu relacionamento com o irmão Jack fica ainda pior.

Se é inegável que a descoberta de que Livia é uma viajante do passado, traz novas camadas de mistério para a trama, é meio decepcionante perceber que o tempo passa e as peças vão sendo lançadas ao acaso no meio dos episódios sem que vejamos uma maneira palpável de amarrar as pontas. Ainda não desisti da série, mas como apontei antes, receio de que não veremos uma resolução das viagens antes da série sair do ar, o que pode acontecer na próxima semana se a audiência não melhorar.

Samantha Who?Ep. 1×05 – The Restraining Order

Sinopse: Sam descobre que um de seus ex-namorados tem uma ordem judicial que a obriga a se manter afastada dele. Ela então tenta entender se seu relacionamento pobre com o pai é a causa de sua necessidade por atenção constante.

Ok, eu admito que até o 4º episódio a série não me fazia rir em nenhuma situação, mas parece que agora a coisa engrenou e mesmo imitando o conceito de My Name is Earl, conforme já havia apontado antes, a série tem criado historinhas bem divertidas mostrando-nos que Samantha tem um certo carisma que guarda em sua ingenuidade, o maior atrativo. Destaque também para a mãe da personagem (feita pela atriz Jean Smart) que a cada episódio vai brilhando com tiradas ótimas e muito divertidas. O que será que Sam ainda aprontará?

Nip Tuck Ep. 5×03 – Everett Poe

Sinopse: Sean e Julia fazem novas descobertas sobre a dinâmica da família quando ele resiste às investidas da filha de Olivia (namorada de Julia). Kate revela uma compulsão secreta. Matt chega a Los Angeles com notícias ruins para dar.

Leia os comentários aqui.

Cane 1x03 Ep. 1×08 – All Bets are Off

Sinopse: Joe Samuels tenta incriminar sua filha Ellis no caso da propriedade de terras cubanas. Enquanto isso, Alex descobre que o futuro do rum Duque está sob risco depois que um grande débito de jogo de Frank vém à tona.

São poucas as séries em que os 42 minutos passam rápidos para mim, e uma delas é Cane. Esse 8º episódio foi repleto de revelações. Joe Samuels disposto a sacrificar a própria filha para livrar-se de problemas com o governo, um possível envolvimento no passado entre Alex e Ellis, e claro o vício de Frank com o jogo. É óbvio que os ‘mocinhos’ da história são os Duque, mas parece-me cada vez mais evidente que o contínuo envolvimento de Alex com a Mafia Cubana, certamente acabará por colocá-lo em maus lençóis, e poderá levar a família e os negócios à derrocada. Sei que a audiência da série não anda lá essas coisas na CBS, mas tomara que isso aliado à greve dos roteiristas não signifique cancelamento da série antes de um final digno à história.

House 4x03 Ep. 4×07 – Ugly

Sinopse: Uma equipe de filmagens e os candidatos seguem House aborrecendo-o enquanto ele tenta diagnosticar porque um adolescente que sofrera um ataque cardíaco antes de uma séria cirurgia plástica.

Divertidíssimo episódio com House sem saber o que fazer com as câmeras o seguindo continuamente e sem saber como agir com a bela (porém incompetente) médica recém contratada por quem estava interessado. Hilária a sequência em que ela a despede convidando-a para jantar logo em seguida. Coisas que só ele pode fazer, como também o fato de tratar com extrema grosseria e indelicadeza o garoto com deformação no rosto e ainda assim não nos fazer odiá-lo. E se não foi novidade nenhuma ver Cameron confessando sua paixão por House, pelo menos vimos muitos conflitos interessantes surgindo na trama. Mal posso esperar pelo próximo episódio.

Pushing Daisies 1x02 Ep. 1×06 – Bitches

Sinopse: Ned, Chuck, Emerson e Olive envolvem-se em um misterioso assassinato de um homem que criava cães e diz ter sido morto por sua esposa. O problema é que ele era polígamo e tinha quatro esposas.

Já é lugar comum dizer isso, mas eu adoro essa série. É tudo tão prazeroso de se ver. Os textos são simples mas bem escritos, as atuações inspiradíssimas e há sempre um toque de melancolia no ar que torna a história de Ned ainda mais cativante.O episódio trouxe o já típico caso de assassinato seguido do morto contando alguns segredos, mas o que mais chamou minha atenção nesse episódio foi a oportunidade de entender um pouco mais sobre os relacionamentos e os laços emocionais que unem aqueles personagens. Adoro também a narração de fundo que sem nunca distrair-nos da história, sempre traz insights curiosos que nos ajudam a perceber as sutilezas da trama. Pushing Daisies é realmente uma série irresistível.

Bionic Woman 1x03 Ep. 1×07 – Trust Issues

Sinopse: Jaime e Antonio são enviados para impedir o assassinato de um chefe de Estado em solo americano. Jaime no entanto enfrenta um problema quando ouve uma conversa entre o assassino e Antonio, fazendo com que ela questione se pode confiar ou não em Antonio.

Sem dúvida não foi um episódio ruim, mas eu ainda não consegui me conectar à série. Talvez seja culpa dessa insistência em imitar Alias, mas o fato é que ainda falta alma à série. Os principais pontos desse episódio foram a morte de Antonio (e a consequente saída de Isaiah Washington) e a idéia de quem era o personagem antes do ocorrido. Sua morte aliás serve para validar seu argumento sobre relacionamentos de pessoas que fazem aquele trabalho e é por isso que o relacionamento entre Jaimie e Tom deve ganhar contornos mais interessantes, sobretudo porque sempre fico com a impressão de que ele não mereça confiança. Onde está a Sarah Corvis? Continuo querendo saber mais da história dela.

Gossip Girl Ep. 1×08 – Seventeen Candles

Sinopse: É a festa de aniversário de Blair, e mesmo devastada por conta de seu relacionamento com Nate e pela culpa de sua indiscrição recente, ela tenta manter as aparências na frente dos amigos. Na esperança de acabar com o clima estranho entre Serena e Vanessa, Dan leva a amiga à festa para que as duas se conheçam melhor, mas Serena acaba ficando ainda mais desconfortável. A mãe de Jenny e Dan volta para casa mas Rufus não parece estar pronto para perdoar e esquecer. Enquanto isso, os pais de Nate o pedem para fazer um sacrifício para salvar os negócios da família.

Gossip Girl é realmente um série bem bacaninha, mas não tem jeito, parece que estará sempre fadada a cair nos clichês do gênero e apelar para mostrar pais tão imaturos quanto seus filhos da trama, que diga-se de passagem quase sempre aparentam serem seus irmãos. Tirando isso, é divertido ver os joguinhos sujos de alguns daqueles personagens para alcançarem o que querem, como Chuck traindo o amigo para facilitar seu caminho de conquista com Blair, com quem desde o início da série sempre pareceu ter química. Agora sobre o lance de Dan querer envolver a ex-namorada e amiga no relacionamento com Serena, acho forçado demais ainda que compreensível dentro do universo imaturo que naturalmente povoaria um adolescente que acaba de conquistar a garota mais interessante do pedaço. Vamos ver quais serão as novidades que vém pela frente.

Private Practice 1x03 Ep. 1×07 – In which Sam gets taken for a ride

Sinopse: Enquanto Sam atende a um perigoso chamado, o amor, ou pelo menos o sexo toma conta da clínica, quando Pete e Addison decidem levar seu relacionamento a outro nível.

Um episódio quase que inteiramente dedicado ao tema do nascimento. Foi triste ver a jovem perder o marido, mas fiquei um pouco cansado com as cenas em que ela lutava para fazer o parto. A história da mãe que queria desesperadamente uma menina parecia exagerada mas foi interessante descobrir suas motivações. Não foi um ótimo episódio mas eu gostei de como encaminharam o final. É quase certo que todos ficaram meio desapontados por não verem Pete e Addison ou Violet e Cooper chegando aos ‘finalmentes’, mas sem dúvida foi surpreendente ver Sam e Naomi voltando a se ‘entenderem’ daquele jeito :p

Grey's Anatomy Ep. 4×08 – Forever Young

Sinopse: Um acidente de ônibus leva vários feridos à emergência do Seattle Grace. O relacionamento de Meredith e Derek fica ainda mais complicado quando ele sai com outra médica. O pai de Meredith vai visitá-la no hospital.

Adorei o episódio que facilmente entra na lista dos melhores da temporada. Usar o hospital como a metáfora para o 2º grau trouxe muita graça à história além de proporcionar momentos de intenso brilho para Miranda Bailey (ou Mandy a partir de agora) e seus discursos que misturam emoção e muita paixão pelo que ela faz e pelo que ela é. Fiquei curioso com o iminente fim do desastrado relacionamento entre Izzie e George. Será que a amizade dos dois continua? E o sempre enrolado lance entre Meredith e Derek, para onde vai? É passada a hora da trama investir em outro relacionamento, não? E para tal, me parece uma opção interessante a da entrada da enfermeira na história, um tipo de mulher que não parece disposta a ceder facilmente a avanços de doutores. Ótimo episódio, dessa inspirada 4ª temporada até aqui.

The Office 4x03 Ep. 4×08 – The Deposition

Sinopse: Jan processa a Dunder Mifflin e Michael é preposto como testemunha no caso. Kelly provoca Pam por causa das seguidas vitórias de Darryl sobre Jim no pingue pong.

Michael é ou não é ou cara para lá de complexo e louco? Só ele consegue mesclar maturidade com falta de ao mesmo tempo, e seu testemunho no caso da demissão de Jan veio recheado de momentos hilários com direito à sua já clássica piadinha “That’s what she said” em meio à perguntas seríssimas que comprometiam sua namorada/esposa. Menção honrosa também para a descoberta do diário de Michael (fico me perguntando que absurdos ele deve guardar), e para as cenas sempre repletas de animosidade entre Michael e Toby, que sabe-se lá porque sempre desperta uma reação raivosa nele. E se a outra historinha do episódio não chegou a render tantas risadas, foi no mínimo curioso saber que Dwight é um exímio jogador de ping pong. Pena que esse episódio marque a despedida da série em 2007 por conta da greve dos roteiristas. Tomara que as ‘férias’ da série não sejam tão longas.

Por Davi Garcia

SÉRIES: Notas e Comentários da Semana segunda-feira 29 outubro, 2007

Posted by Dude in Big Bang Theory, Bionic Woman, Cane, Chuck, Gossip Girl, Grey's Anatomy, Journeyman, K-Ville, Private Practice, Pushing Daisies, Samantha Who?, Séries, The Office.
2 comments

Séries exibidas nos EUA entre os dias 21 e 27 de Outubro de 2007

DexterEp. 2×04 -See Through

Sinopse: A estranha mãe de Rita chega para uma visita e percebe que há algo errado com Dexter. Masuka pensa ter descoberto uma pista sobre o caso do Bay Harbor Butcher, o que deixa Dexter preocupado. Debra age de forma estranha para tentar retomar sua vida e superar o trauma.

Leia os comentários aqui.

Chuck 1x03Ep. 1×05 – Chuck versus the Sizzling Shrimp

Sinopse: Chuck e Morgan encaram dilemas que podem mudar suas vidas. Ao pisar na bola durante uma vigia, Chuck sente-se moralmente obrigado a participar de uma missão não autorizada para desfazer seu erro. Enquanto isso Morgan tem que participar de uma competição que pode definir seu destino na Buy More.

Faltou um tempero a mais nesse 5º episódio, mas nada que comprometa a diversão que a série tem garantido depois de um início meio vacilante. Como já pontuei antes, acho que mesmo com poucos episódios, Chuck já encontrou o tom certo fazendo a mistura de aventura com comédia e doses mínimas de drama como nesse episódio com a mágoa de Ellie (a sempre linda Sarah Lancaster) com o distanciamento do irmão Chuck. Eu sei que o humor de Morgan é quase pueril, mas como resistir às trapalhadas e exageros do cara ou ao mal humor constante de Casey? Outro ponto alto da série? A divertida sequência de abertura com aquela musiquinha meio Austin Powers 😛

Big Bang Theory 1x03Ep.1×05 – The Hamburger Postulate

Sinopse: Temendo perder seu tempo com Penny, Leonard acaba se envolvendo com Leslie, sua colega de trabalho.

Não dá para negar, embora a série teoricamente tenha 3 protagnistas, fica cada vez mais evidente que a série é boa por causa de Sheldon, o nerd rabugento. Mas ok, para fazer justiça foram de Leonard as sequências mais engraçadas do episódio quando ele dividiu piadinhas de teor sexual com a colega Leslie, outra nerd mal humorada que além de conseguir deixar Sheldon sem reposta ao argumentar porque mexeu em sua lousa de fórmulas, ainda foi divertidamente cruel ao explicitar a Leornard que o usou como um experimento. Bom demais.

Heroes 2x03 Ep. 2×05 – Fight or Flight

Sinopse: Uma jovem mulher chamada Ellie está procurando Peter. Ando busca pistas de Hiro no passado. Ao lado de Nathan, Matt confronta o homem dos sonhos de Molly, enquanto Mohinder apela à ajuda da Companhia.

Leia os comentários aqui.

Prison Break 3x04 Ep. 3×05 – Interference

Sinopse: O prazo final dado pela Companhia para que a fuga ocorra se aproxima. Faltam 24 horas e Michael, Mahone e Whistler planejam uma fuga, mas o plano parece encontrar um beco sem saída depois que os guardas entram em Sona.

Leia os comentários aqui.

K-Ville 1x04 Ep. 1×05 – Critical Mass

Sinopse: Um diácono é assassinado na igreja em que Boulet frequentava durante boa parte de sua vida, mas ninguém parece ter visto alguma coisa.

Em certos momentos do episódio me peguei pensando porque ainda acompanho a série. Muito aquém do que eu esperava que fosse, K-Ville acaba quase sempre jogando fora o potencial de boas histórias que poderia contar. Tirando o Boulet que sempre traz algum background mais curioso, o resto sempre soa previsível ou risível como nesse episódio o foram os flashbacks. Pois é, os caras acham que exagerar nas cores para mostrar ao espectador que o que ele está vendo é uma versão jovem de determinado personagem é um recurso técnico que aumeta a qualidade do episódio. Tsc tsc… Só com isso já dá para ter uma boa idéia de que criatividade não é o forte de diretor e roteiristas da série, né?

Journeyman 1x03 Ep. 1×05 – The Legend of Dylan McCleen

Sinopse: Enquanto caminhava com Zach, Dan tem uma de suas dores de cabeça. No passado ele descobre estar seguindo os passos de Dylan McCleen, um soldado que roubou dinheiro por uma boa razão. Katie é questionada sobre um roubo que aconteceu na noite de sua grande festa.

Se a história do episódio em si não foi lá muito interessante, gostei de ver a aparição enigmática do Dr. Elliot Langley e suas teorias de ‘Quebra espontânea de simetria e Perturbação na densidade da energia negra local’. Fica claro que ele tem envolvimento nas viagens de Dan e que deve ter um papel importante na trama, mas será que a série dura até lá? Bom, se durar devemos ver os desdobramentos do relacionamento cada vez mais enfraquecido de Dan e Katie e das consequências por Zack ter visto seu pai desaparecendo. Aliás é incrível como até agora só um garotinho de 7 anos tenha testemunhado o ‘fenômeno’, não?

Samantha Who?Ep. 1×02 – The Job

Sinopse: É o primeiro dia de Samantha de volta ao trabalho e sua primeira reunião lhe dá uma boa noção do quão cruel e competitiva ela era.

Juro que tentei ver graça nesse episódio mas não teve jeito. Tudo bem que os eventos foram bem menos atropelados que no piloto, mas as sistuações continuam soando forçadas demais para mim. Que coisa ridícula foi aquela dos pais de Samantha tratando-na como uma retardada mental no início do episódio? Aliás uma ficha caiu para mim com esse episódio, a série é uma tentativa de fazer um My Name is Earl de saias já que assim como ocorre na série da NBC, aqui a protagonista quer compensar erros do passado. Pena que tem faltado talento aqui para entregar uma comédia que faça rir.

Cane 1x03 Ep. 1×05 – Brotherhood

Sinopse: Alex enfrenta um grave problema quando o Senador Barnes renuncia colocando o acordo da usina de etanol em risco. E não apenas isso, já que a polícia começa a cavar mais sobre o assassinato de Quinones.

Mais um bom episódio que destrincha um pouco mais o mundo dos Duque e os riscos que correm para manter os negócios e sobretudo a família. A retomada da investigação sobre o assassinato de Quinones trouxe uma sequência fantástica e tensa em que Santos e Alex foram colocados em salas distintas e não dava pra saber se o capanga/motorista entregaria ou não o segredo de seu chefe. E agora com Frank salvando a pele de Alex dando-lhe um álibe que explique o telefonema recebido em uma madrugada, é certo esperar uma cobrança pelo favor. Reparem também que cada episódio até aqui criou subtramas para os outros membros da família Duque (Henry e seus estranhos financiadores da boate, o casamento do filho mais velho de Alex e Isabel com uma americana e agora a filha sendo gravada em um momento íntimo). Dúvidas de que cada uma dessas situações vai render muita dor de cabeça em breve para Alex? Eu náo tenho.

House 4x03 Ep. 4×04 – Guardian Angels

Sinopse: A disputa para entrar no time de House continua quando surge uma paciente que parece ser capaz de ver e conversar com mortos. Foreman vai a algumas entrevistas de trabalho, e House testa o limite de um dos candidatos.

Leia os comentários aqui.

Pushing Daisies 1x02 Ep. 1×04 – Pigeon

Sinopse: Emerson, Ned e Chuck são contratados para provar que um piloto foi assassinado e não cometeu suicídio, mas logo se vêem envolvidos em um caso de roubo de jóias e fuga de um prisioneiro.

É ou não é irresistível esse sabor de filme clássico com toques de romance ingênuo que a série traz? Eu nunca sei bem o que comentar sobre Pushing Daisies mas sei que cada novo episódio me traz uma sensação bacaníssima de viajar na fantasia da idéia que ela propõe. Não tem nada que me incomode nela, e cada vez mais curto a doce/triste história de amor entre Ned e Chuck. Também pudera, sendo personagens tão simpáticos que são não dá para não simpatizar com eles, ou mesmo com Olive (clone da Eliana dedinhos) e sua paixão não correspondida pelo pie maker.

Bionic Woman 1x03 Ep. 1×05 – The Education of Jaimie Sommers

Sinopse: A nova missão de Jaime a faz entrar na faculdade disfarçada como estudante inglesa transferida para investigar um professor suspeito de atividades ilegais. Contudo, sua missão fica complicada quando ela se envolve com o assistente do professor, que também é suspeito.

Bom se já era meio inevitável comparar a série com Alias antes, esse episódio veio fechar a questão se não vejamos. O noivo de Jamie foi morto no 1º episódio (o noivo de Sydney também); Jamie tem uma rival que possui os mesmos talentos que ela (Sydney tinha Anna Espinoza); Jamie trabalha para um agência secreta do governo (que coincidência, Sydney também); Jaimie vive questionando as decisões de seu mentor (Sydney fazia o mesmo com seu pai Jack); Jamie tem um técnico nerd quase sem talento para socializar-se (uma versão bem menos engraçada de Marshall), e agora ela tem também um interesse amoroso que trabalha para outra agência (lembram do Michael Vaughan?). Pois é, coincidências demais, não? Pena que Bionic não saiba usar esses elementos para construir uma trama realmente envolvente. E pelo amor… quer dizer que o ‘talento’ de Michelle Ryan restringe-se a fazer um sotaque britânico? Não dá…

Gossip Girl 1x04 Ep. 1×06 – The Handmaiden’s Tale

Sinopse: Dan fica dividido quando sua ex-namorada Vanessa ressurge e se declara para ele, justo quando ele e Serena estão tentando descobrir o que significam um para o outro. No baile de máscaras, Blair coloca Nate em um jogo, mas ele não consegue esconder seus sentimentos por Serena. Embora Blair tenha deixado bem claro que não queria intrusos na festa, Jenny e Dan entram disfarçados. E finalmente, Lily pede que Rufus a acompanhe a um evento de Eleanor Waldorf para causar ciúmes em Bart Bass.

O mais interessante desse episódio, além do surgimento de Vanessa provocando um mar de dúvidas em Dan, foi ver que Nate descobriu sobre o vício de seu pai e que ao que parece, deve assumí-lo para livrar a cara do pai e ao mesmo tempo ganhar crédito de liberdade para escolher o que quer fazer e para onde ir. As sequências da festa foram igualmente marcantes por mostrar Jenny vingando-se de Chuck e depois ouvindo o segredo de Nate que àquela altura imaginava falar com Serena. A crescente animosidade e intriga segue tomando conta dos up east siders e a trama tem se mostrado sempre atraente, ainda que seu universo possa parecer distante demais. Só é uma pena que quase todo episódio termine naquele clima de tudo certinho e no lugar, só para vermos o castelo de cartas desmoronar no episódio seguinte.

Private Practice 1x03 Ep. 1×05 – In Which Addison finds a Showerhead

Sinopse: Addison precisa acompanhar o caso de uma menina de 13 anos que suspeita ter contraído uma DST. Pete sai da linha por causa de uma paciente que sofre de problemas pulmonares e Violet tem que confrontar seu maior fantasma.

Que PP segue aquém do nível de sua matriz é evidente, mas seria injusto dizer que ela não tem mantido um ritmo coerente com o universo de seus personagens, todos como já disse antes, demasiadamente infantis. Admito que foi engraçado ver Addison sonhando com fantasias que incluiam Pete, e posando de puritana que não se ‘diverte sozinha’, mas não seria mais fácil chegar às vias de fato :p No aspecto mais sério do episódio, vimos a abordagem da importância do diálogo aberto entre pais e filhos sobre sexo e a evidência de que a relação entre Naomi e Sam segue sob uma falsa máscara de conforto. No outro extremo tivemos a aparição de Allan (o mesmo ator que fez o Goodwin de Lost) e finalmente uma decisão por parte de Violet, a terapeuta menos indicada para qualquer paciente. Gostei do episódio mas ainda falta tempero para que a série emplaque e empolgue de vez.

Grey's Anatomy Ep. 4×05 – Haunt You Everyday

Sinopse: É Halloween no Seattle Grace! As enfermeiras formam um grupo baseado nas experiências que dividem por envolverem-se com McSteamy. Um homem se submete ao que a maioria dos médicos considera cirurgia desnecessária. Alex recebe a visita de Ava / Rebecca, enquanto Meredith precisa lidar com o que restou de sua mãe e Callie faz um importante anúncio.

Nada mais coerente do que usar o tema do Halloween no texto que explora os fantasmas que assombram as vidas dos médicos do Seattle Grace, não é? Gostei da solução que Meredith deu para se livrar das cinzas de sua mãe cuja lembrança não desaparecerá mas terá agora um descanso, e claro, da ajuda que deu ao simpático garotinho que precisava de uma cirurgia plástica para ter orelhas. Callie por sua vez segue na tortura psicológica com Izzie, cujo envolvimento com George é agora público e até Alex teve seu momento “não sou tão babaca” ao curtir o reencontro com Ava/Rebecca. Outros pontos altos do episódio, foram a chegada definitiva da Dra. Hahn como nova chefe de cirurgia cardíaca no que deve render situações divertidíssimas com Christina; a conversa entre Bailey e George no lado de fora do hospital; e claro, o tocante dilema do pai à espera de um transplante de coração e que teria na filha recém acidentada e com morte cerebral sua salvação.

The Office 4x03 Ep. 4×05 – Local Ad

Sinopse: A Dunder Mifflin decide fazer uma propaganda para a tv, mas as coisas ficam esquisitas quando Michael resolve assumir a produção. Dwight também tem sua ocupação do momento, explorar sua versão voadora do Second Life.

Vamos combinar que só a piada do Dwight que voa no Second Life (e no Second ‘Second’ Life) já valeu todo o episódio, não é mesmo? Mais uma válvula de escape para a fossa curtida por ele mas que não deve durar muito mais já que ele agora tem a prova de que Angela segue pensando nele (Oh, “D”!)Voltamos aos episódios de 20 minutos, e se os estendidos eram brilhantes, não dá para negar que o formato reduzido torna tudo mais dinâmico e envolvente. Nunca me canso de ver Michael fazendo besteiras, e se antes sempre haviam motivos mais que evidentes para considerá-lo um incompetente sem noção, dessa vez me surpreendi com o resultado do vídeo feito por ele e que acabou rejeitado pela matriz. Uma divertida contradição ao melhor estilo da série.

 

Por Davi Garcia

SÉRIES: Notas e Comentários da Semana domingo 14 outubro, 2007

Posted by Dude in Big Bang Theory, Bionic Woman, C.S.I., Cane, Chuck, Gossip Girl, Journeyman, K-Ville, Private Practice, Pushing Daisies, Séries, Supernatural, The Office.
add a comment

Séries exibidas nos EUA entre 07 e 13 de Outubro de 2007

Chuck 1x03Ep. 1×03 – Chuck versus the Tango

Sinopse: Chuck precisa da ajuda de Morgan e dos colegas da loja para provar que está preparado para se tornar gerente assistente. Sarah e John dão a primeira missão disfarçada a Chuck na expectativa para pegarem uma traficante de armas.

Terceiro episódio e Chuck parece ter engrenado. O episódio teve um ritmo muito mais bem equilibrado que o anterior, e manteve o tom cômico certo ao que parece ser a proposta da série. Se a idéia de aceitar que Chuck sabe tudo sobre todos os assuntos ultra secretos do governo e consegue relacioná-los a algum crime num piscar de olhos (ou vendo uma fotografia) soa algo absurdo demais, o carisma do protagonista que esbanja uma curiosa ingenuidade aliado às situações naturalmente engraçadas rapidamente cativa. As referências pops também são um aspecto interessante na série. Seno episódio anterior Lost recebeu uma homenagem, dessa vez quem ganhou uma lembrança foi o James Bond 007quando Chuck – vestindo um tradicional smoking – chega ao bar e pede um martine Shaken & Stirred (batido e mexido), frase semelhante à do agente britânico (Shaken, Not Stirred) :p Ah, e a boa notícia é que a série ganhou a garantia da rede NBC para a produção de 13 episódios, o que equivale à meia temporada e já é um sinal bastante positivo para seu futuro.

Big Bang Theory 1x03Ep.1×03 – The Fuzzy Boots Corollary

Sinopse: Leonard convida uma mulher para sair depois de descobrir que Penny está saindo com alguém.

Outro episódio bem divertido e que foca um dos maiores temores que um nerd tem: saber o que dizer e como se portar frente à mulher que lhe interessa. Hilário o Leonard pegando as correspondências de Penny por ‘engano’ só para ter um motivo de falar com ela, um recurso clássico como lembra Wolowitz, outro nerd da turma. Igualmente engraçado foi a cena em que Leonard propôs à colega Leslie uma exploração bio-social com revestimento neuroquímico, ou simplesmente um encontro 😛 A série é bobinha, os personagens beiram a caricatura mas Big Bang Theory oferece risos fáceis que poucas comédias conseguem e é por isso que seguirá tendo espaço por aqui.

Heroes 2x03 Ep. 2×03 – Kindred

Sinopse: Suresh descobre uma pintura inédita de Issac Mendez que mostra a morte de alguém. Maya liberta Alejandro de uma prisão mexicana. No passado Hiro descobre algo sobre Kensei. Nikki e Micah deixam Las Vegas para deixar o passado para trás.

Leia os comentários aqui.

Prison Break 3x04 Ep. 3×04 – Good Fences

Sinopse: Depois de receber uma caixa enviada pela Companhia, Lincoln percebe que eles não fazem ameaças vazias. O novo plano de fuga de Michael está relacionado à eletricidade. Haywire ressurge assombrando o desorientado Mahone. Bellick e T-Bag ganham atenção especial de Lechero.

Leia os comentários aqui.

K-Ville 1x04 Ep. 1×04 – No Good Deed

Sinopse: Cobb e Boulet tentam solucionar o assassinato de uma mulher que envove voodoo e um ex-marido ciumento. Parte do passado de Cobb vém à tona.

A série ainda não me empolgou como deveria (ou eu gostaria), mas é justo dizer que se esse episódio não trouxe um caso tão interessante assim para a dupla Cobb e Boulet, pelo menos dedicou algum espaço para o desenvolvimento dos aspectos pessoais e dos traumas ocasionados pelo Katrina na vida dos dois. Cobb por exemplo tenta cumprir a promessa que fizera ao colega de cela e procura a esposa deste para entregar-lhe dinheiro, complicando-a ais tarde. Boulet por sua vez encara a mágoa com o ex-parceiro e reaproxima-se dele depois de todo o blá blá com Cobb de que nunca se deve deixar o parceiro na mão. Sigo insistindo que se conseguirem dosar os reflexos causados nas vidas daquelas pessoas pós furacão com a ação vendida na trama a série ganharia mais.

Journeyman 1x03 Ep. 1×03 – Game Three

Sinopse: O romance fica um pouco de lado quando Dan volta a 1989 a tempo de avisar todos sobre um desastre e salvar um viciado de arruinar sua vida. Katie descobre que Dan encontrou Livia mas não contou para ela.

Impressionante como essa série abusa do direito de encher a trama de furos e absurdos. De novo parece que Dan não se abala com o que lhe acontece e de novo ele encontra Livia no passado mas não consegue explicações (ou não se esforça para tê-las). E como é que ele some do nada no escritório e ninguém vê ? Aliás como é que ele consegue fazer as matérias se vive ‘viajando’ ? Pois é, esses aspectos inverossímeis da trama comprometem demais a série e até seriam justificativa para me fazer desistir dela, mas vou persistir até revelarem se há algum motivo específico para que tanto Dan quanto Livia fiquem nesse vai e vém do passado.

Cane 1x03 Ep. 1×03 – The Two Alex Vegas

Sinopse: Quando Alex apresenta um novo plano de negócios, Frank fica dividido entre dar apoio aos Samuels ou à própria família.

Outro bom episódio de Cane que evidencia o clima de disputa entre Alex (Jimmy Smits) e Frank (Nestor Carbonel). Curioso notar que mesmo apostando em um drama com características nada inéditas, a série consegue criar uma atmosfera interessante e atraente em torno do jogo de poder que corre tanto dentro da família Duque quanto fora dela na rivalidade com os Samuels. Esse episódio traz também desenvolvimentos em outras subtramas que certamente ganharão força ao longo dos próximos episódios, como por exemplo o envolvimento de Henry (o mais novo dos irmãos Duque) com investidores para lá de suspeitos, o anunciado casamento de Jaime Vega (filho mais velho de Alex e Isabel) com uma americana e a doença que Pancho esconde da família. Ah e tal qual Chuck da NBC, Cane também já tem 13 episódios garantidos para esta temporada na rede CBS 🙂

House 4x03 Ep. 4×03 – Ep. 4×03 – 97 Seconds

Sinopse: Os candidatos estão divididos em dois times, competindo para diagnosticar e tratar um homem que sofre de atrofia muscular cervical. Enquanto isso House faz experimentos em si próprio para testar o que acontece depois da morte, e Foreman em outro hospital age de um jeito bem peculiar a House.

Leia os comentários aqui.

Pushing Daisies 1x02 Ep. 1×02 – Dummy

Sinopse: Mais evidências de que o poder de Ned é tanto um dom quanto uma maldição são ilustradas através de flashbacks de sua infância. O episódio mostra também Ned, Chuck e Emerson visitando o necrotério para inspecionar o corpo de um homem especialista em segurança de carros e que acabou vítima de um suposto atropelamento.

Apesar de ter adorado o piloto da série, confesso que tinha ficado com o pé atrás para ver o que fariam a seguir, afinal apostar em um drama de investigação criminal tomado pela fantasia poderia ser arriscado demais. Ainda bem que a série conseguiu nesse 2º episódio introduzir o mistério da semana de forma tão divertida e no tom que me parece ideal. Um dos aspectos que mais me cativam em Pushing, é a ingenuidade de Ned e Chuck, o casal mais carismático da tv, aliado ao aparente constante mau humor de Emerson. Ah e ainda acharam espaço para inserir uma sequência musical que tem tudo a ver com o tema, não? Ótimo 2º episódio.

Bionic Woman 1x03 Ep. 1×03 – Sisterhood

Sinopse: A nova missão de Jaime é proteger a filha de um importante fornecedor do governo. Ao mesmo tempo ela preisa decidir se ajuda ou não Sarah Corvus a livrar-se dos demônios que a assombram.

Sem dúvida o melhor episódio da série até aqui, mas ainda assim longe de empolgar. As cenas entre Jaimie e Sarah foram as melhores e os flashbacks de ambas ajudam a criar o pequeno mistério de quão manipuladas ambas foram até sofrerem os respectivos acidentes que as colocaram no programa secreto. É realmente uma pena que a atriz Michelle Ryan não tenha nenhum carisma como protagonista e que a participação do bom ator Isaiah Washington esteja sendo tão inexpressiva para não dizer nula. Será que melhora?

Gossip Girl 1x04 Ep. 1×04 – Bad News Blair

Sinopse: Blair fica empolgada quando sua mãe Eleanor a escolhe para ser o novo rosto da sua linha de roupas. Contudo, a felicidade de Blair logo transforma-se em sentimento de traição e ciúme quando Serena ganha todas as atenções e ela se vê de novo nas sombras da loira.

Ok, eu confesso com um prazer cheio de culpa que fui fisgado pela série. O mundinho fútil de Upper East Side é repleto de personagens falhos e que de formas variadas vivem dramas com um conteúdo interessante e atraente. É curioso notar que quase todos os adolescentes da série mergulham no mar de incertezas, futilidades e anseios por causa dos pais ricos que querem moldá-los. As ações ruins de Blair e Chuck por exemplo, parecem ter sido originados por causa de traumas sofridos na família e isso ajuda a transformá-los em figuras mais interessantes do que meros filhinhos mimados que adoram ser babacas. Ponto para a série.

Private Practice 1x03 Ep. 1×03 – In Which Addison finds the magic

Sinopse: Addison e Pete tratam de um casal recém casado com problemas sexuais. Cooper tenta descobrir porque quatro irmãos estão sofrendo por causa da mesma misteriosa doença. Violet tenta convencer um paciente a deixar a esposa, mesmo tendo problemas para esquecer o ex-namorado que casou com outra.

Embora a série tenha realmente melhorado desde a estréia, ainda me incomoda o fato de ver quão deslocada Addison fica na história. Parece que a personagem não passa de uma coadjuvante de luxo usada apenas para atrair os holofotes para a série. Todo aquele papo dela reclamando que a vida não melhorou nada desde a mudança para Los Angeles e blá blá foi chato demais e só não foi um desperdício total para o tema do episódio por causa do sucesso em ajudar a paciente recém casada a encontrar a ‘mágica’ do prazer sexual. Fazendo uma leitura fria, me parece que a série tem potencial, faltando-lhe apenas uma sintonia fina e Addison como a real protagonista da história.

Grey's Anatomy Ep. 4×03 – Let the Truth Sting

Sinopse: Uma mãe leva o filho adolescente ao Seattle Grace Hospital porque está convencida de que ele está usando drogas. Uma mulher é diagnosticada com câncer na língua e fica devastada com a possibilidade de perder a fala. Um senhor em semi coma por quase 1 ano finalmente acorda. Um novo e inesperado interno chega ao hospital.

Leia os comentários aqui.

The Office 4x03 Ep. 4×03 – Launch Party

Sinopse: Em mais um episódio especial de 40 min, vemos o lançamento do novo website da Dunder Mifflin e Michael confundindo-se ao ir para a festa em Nova York. Em Scranton, Angela planeja uma festa paralela. Enquanto isso Dwight compete contra o website para ser o maior vendedor do dia.

Com uma das aberturas mais engraçadas de toda a série (quem nunca ficou esperando o cubo do dvd tocar o canto da tela? :P), o episódio trouxe vários momentos inspiradíssimos como o Dwight obcecado em derrotar o site no número de vendas ao mesmo tempo em que era zoado por Jim e Pam através do ‘msn’ da empresa, Angela ainda mais mal humorada na organização da festa paralela até ser impressionada pelas insistentes aproximações de Andy (será que Dwight vai deixar barato?), e claro Michael mantendo o entregador de pizza em cárcere dentro da Dundler Mifflin por não ter recebido o desconto desejado. Bizarro e Brilhante! São episódios como esse que confirmam o óbvio: The Office é a melhor comédia da tv.

CSI 8x03 Ep. 8×03 – Go to Hell (Comentado por Juliana Ramanzini)

Sinopse: A equipe de CSI investiga o assassinato de uma família inteira, com exceção de uma filha que supostamente estaria possuída pelo demônio.

A participação especial de Harold Perrineau marcou “Go to Hell” como um episódio sombrio. A história gira em torno de um crime bárbaro envolvendo toda uma família e o desaparecimento de uma das filhas, supostamente possuída pelo demônio. Perrineau interpreta um pedófilo que após cumprir sua pena vira pastor, pregando entre viciados, prostitutas e criminosos da periferia pobre de Las Vegas. Ele acaba envolvido com essa família que o procura para exorcizar uma de suas filhas. O casal e a caçula aparecem mortos, enquanto a outra filha desaparece, e o pastor é o principal suspeito dos crimes. O episódio mistura exorcismo, assassinatos e uma colônia de abelhas. Como assim? Pois é, parece que o sucesso das “miniaturas” da temporada passada levou os roteiristas a inserirem uma trama que mais uma vez vai atravessar a temporada. Na casa da família assassinada, Grissom encontra uma colônia de abelhas em seu mais pleno e perfeito funcionamento. E como isso se relaciona com os crimes investigados no episódio? Ainda não sabemos. A única pista do que vem por aí é o fato deles terem encontrado junto aos corpos de duas vítimas, abelhas mortas. O que intriga é que uma dessas vítimas era um morador de rua, aparentemente desconectado dos acontecimentos do outro crime. Agora é aguardar para ver como a trama vai se desenrolar.

Supernatural Ep. 3×02 – The Kids are Alright (Comentado por Juliana Ramanzini)

Sinopse: Dean resolve voltar a Cicero, Indiana, para visitar uma antiga paixão com quem teve um caso nove anos atrás. Entretanto, ele se surpreende ao conhecer Ben e com a possibilidade de ele ser seu filho, já que o menino apresenta uma semelhança impressionante com ele. Com o desaparecimento de Ben, Sam e Dean descobrem que um Changeling, um parasita demoníaco, está capturando as crianças da pequena cidade, assumindo sua forma e aterrorizando suas famílias. Enquanto isso, Ruby encontra com Sam, revela algumas intrigantes informações sobre sua mãe e faz uma proposta que pode salvar Dean.

The Kids are Alright foi um episódio pra lá de sinistro, cheio de elementos interessantes e pequenas revelações para este começo de temporada. Deixando de lado as arrepiantes situações envolvendo as crianças “Changelings”, o episódio mostrou um despertar de Dean para a vida. Resignado com o pacto que fez para salvar o irmão, dando em troca sua vida, Dean vinha agindo de forma irritantemente inconseqüente. A possibilidade de Ben ser seu filho mexeu com seus sentimentos. Será que poderemos esperar uma reação em busca da sua salvação? Enquanto isso, Sam não desiste de tentar salvá-lo. Ao mesmo tempo, descobre que Ruby, a moça que o salvou no episódio anterior, é um demônio. E Ruby, como todo demônio, está disposta a fazer um pacto que salvará a vida de Dean. Em troca, Sam deve descobrir e revelar os segredos que envolvem a família Winchester, em especial sobre mãe e o seu nascimento. Em um ótimo episódio, parece que a trama central da temporada já começou a ser desenhada.

Por Davi Garcia

SÉRIES: Notas e Comentários da semana domingo 7 outubro, 2007

Posted by Dude in Big Bang Theory, C.S.I., Cane, Chuck, Gossip Girl, Journeyman, K-Ville, Private Practice, Séries, Supernatural, The Office.
add a comment

Séries exibidas nos EUA entre 31 de Setembro e 06 de Outubro de 2007

Chuck Ep.1×02 – Chuck versus the helicopter

Sinopse: Chuck está começando a se adaptar à nova vida como espião. Enquanto isso, um doutor que possivelmente pode curá-lo é assassinado e ele tem que decidir em qual de seus dois colegas confiar.

É fato que a série vai mesmo apostar no tom fantasioso e exagerado para mostrar Chuck envolvendo-se nas aventuras, e isso é bom porque acompanhar a série torna-se um exercício divertido de adivinhações e surpresas como a de que ele sabe o que derrubou o vôo Oceanic 815 de Lost :p Tomara que surja algum vilão megalomaníaco na trama para torná-la mais inventiva e criativa. E a Sarah Lancaster hein?! Ai ai ai…

Big Bang Theory Ep.1×02 – The Big Bran Hypothesis

Sinopse: Leonard se oferece para receber uma compra feita Penny na tentativa de causar uma boa impressão, mas quando ele pede a ajuda de Sheldon sua tentativa de ser cortês acaba não dando certo.

Onde é que estavam escondendo o ator que faz o Sheldon, hein!? O cara tem um tom cômico sensacional e na dose certa para o papel de nerd. Aliás a série tem revelado grande competência em usar piadinhas repletas de referências à física sem qualquer exagero. Nem o excesso daquelas risadas de fundo nas cenas me incomodam porque eu acabo rindo junto na maioria das cenas. Ah, eu quero um sabre luz igual ao do Leornard :p

Heroes Ep.2×02 – Lizards

Leia os comentários aqui.

K-Ville Ep. 1×03 – Bedfellows

Sinopse: Boulet e Cobb estão à caça de um assassino de um ex promotor público de Nova Orleans. As pistas os levam a um bordel de luxo e a suspeitar que o capitão James Embry saiba um pouco demais sobre tudo que cerca o caso.

Mais um episódio em que falta foco ao drama de Nova Orleand pós Katrina e dedicam 42 minutos para uma trama sonolenta envolvendo um assassinato. Nem as sequências de ação empolgaram. Aliás algumas delas foram para lá de preguiçosas e mal feitas, como aquela do tiroteio dentro da casa do capitão James. Falta apelo à série, o que é uma pena já que o personagem de Anthony Anderson parece ter potencial para conduzir histórias melhores.

Journeyman Ep. 1×02 – Friendly Skies

Sinopse: Sem saber se suas viagens no tempo são imaginadas ou reais Dan decide fazer um exame de ressonância magnética. Depois de decidir viajar por uns dias com Katie, Dan desaparece durante um vôo e acorda em outro vôo no passado.

Vou repetir o que já disse antes. A série tem uma trama atraente, mas é inegável que comete falhas (bobas) demais. Como é que Dan aceita tão facilmente a posição que lhe foi dada de ‘agente do tempo’? Sim, porque em nenhum momento o cara parece preocupado com o que lhe acontece, o que convenhamos diminui muito a força dos acontecimentos. Outra coisa que já incomoda são os sucessivos encontros entre ele e sua ex-noiva no passado sem que ele tente arrancar dela algum explicação minimamente lógica para essas ‘viagens’. A série é ruim? Não, mas se insistirem em não prestar atenção a esses detalhes, a trama fica comprometida e pouco atraente.

Prison Break Ep. 3×03 – Call Waiting

Leia os comentários aqui.

House Ep. 4×02 – Right Stuff

Leia os comentários aqui.

Cane Ep. 1×02 – The Work of a Business Man

Sinopse: Já empossado como novo CEO da Duque Rum, Alex faz uma proposta ao senador para abrir uma refinaria de etanol apesar de ter a oposição de Frank à idéia. Alex também precisa lidar com as consequências referentes ao assassinato de Quinones.

Esse foi apenas o 2º episódio da série mas já virei fã. Também pudera, juntaram um elenco talentoso à uma trama cheia de jogos de intriga, disputas de poder e dramas familiares construindo o climão típico dos bons filmes de máfia. Jimmy Smits está sensacional como Alex Vega e aposto em boas histórias envolvendo sua decisão de investir o dinheiro dos Duque na construção da refinária de etanol, o que claro despertou o desapontamento de seu irmão Frank (Nestor Carbonell igualmente ótimo), sentimento que sem dúvida nenhuma será usado pelos Samuels na tentativa de minar os rivais. Não viu Cane ainda? Corra para ver. A série é ótima.

Bionic Woman Ep. 1×02 – Paradise Lost

Leia os comentários aqui.

Gossip Girl Ep.1×03 – Poison Ivy

Sinopse: É semana da visita de representantes da Liga Ivy (as melhores universidades americanas) e o cenário é de disputa entre os estudantes da Constance Bilard e de St Jude. Blair descobre um segredo escandaloso de Serena que pode acabar vindo à tona.

O 3º episódio da série dá o tom do que ela deve ser ao longo da temporada, uma eterna disputa entre Blair e Serena. Mas ele dá também a boa noção de que apesar das futilidades de família retratadas, há personagens que apesar de falhos (o que é sempre interessante) demonstram atos dignos como Serena admitindo ser viciada para proteger o irmão mais novo. Ah e não faltou também o típico climinha entre Erik e Jenny. Será que rola algo entre o casalsinho?

Private Practice Ep. 1×02 – In Which Sam Receives an Unexpected Visitor

Sinopse:Dois casais estão envolvidos em uma infeliz troca de bebês e os médicos precisam lidar com o caso. Sam trata uma cliente que pode aborrecer Naomi. Uma mãe vai ao limite para fazer seu filho parar de beber, mas seu plano cobra um preço perigoso.

Parece que Shonda Rhimes finalmente decidiu dedicar algumas horinhas do dia para escrever um episódio decente do spin-off de Grey’s Anatomy. Addison continua infantil e diferente demais daquela médica que conhecemos no Seattle Grace, mas pelo menos mostrou-se mais à vontade nesse episódio que recupera minha fé na série entregando um texto mais bem acabado e situações que exploram o drama na dose certa. Torçamos para que os próximos episódios continuem no mesmo ritmo.

Grey's Anatomy Ep. 4×02 – Love/Addiction

Leia os comentários aqui.

The Office Ep.4×02 – Dunder Mifflin Infinity

Sinopse: Em mais um episódio especial, Ryan volta a Scranton com um plano para levar a Dunder Mifflin à era digital lançando um novo website, o Dunder Mifflin Infinity. Michael está preocupado com o risco de ser dispensado por causa da idade e tenta recuperar clientes usando técnicas ultrapassadas. Os relacionamentos do escritório também ganham evidência com Ryan e Kelly, Jim e Pam e com Angela ainda chateada com Dwight por causa do gato morto.

É fato que The Office é a melhor comédia a surgir na tv em muito tempo e o que parecia impossível aconteceu, já que com esses episódios especiais de 40 minutos a série parece ter ganhado mais ritmo deixando a sensação de que a piada fica ainda melhor. O que foi o Michael jogando o carro dentro do lago ao seguir a orientação do GPS? Incrível, mas eu sempre me surpreendo com as bizarrices que ele faz, como a da idéia de distribuir cestas de presente a antigos clientes na esperança de recuperá-los e ao mesmo tempo provar ao Ryan que as técnicas da Old School merecem crédito. Igualmente engraçadas foram as cenas envolvendo Dwight e Angela terminando o namoro, quando o cara mais louco do escritório aparece querendo presenteá-la com um gato chamado Garbage (lixo). Brilhante de novo.

CSI Ep. 8×02 – A la Cart *

Sinopse: A equipe de CSI investiga dois casos diferentes envolvendo a morte suspeita de um corredor de kart que levou seu hobby para a estrada
e pagou o preço com sua vida e o assassinato em um novo restaurante
onde as pessoas jantam na escuridão.

O episódio é típico de CSI, com a investigação de dois casos intrigantes, com direito a testes de laboratório com boneco de gel e algumas bizarrices, como o restaurante que serve na escuridão. Mas, o mais importante é que ele aponta para o destino que todos temem. Parece fato consumado a saída de Jorja Fox. Sara e Grissom são avisados que não podem ter relações com parceiros de trabalho e Sara pede para mudar de turno. É o primeiro passo para sua efetiva despedida. É uma pena, pois as cenas entre ela e Grisson foram legais, mostrando como um casal pode ter pontos de vista bem diferentes sobre a sua relação.

Supernatural Ep. 3×01 – The Magnificent Seven *

Sinopse: Na expectativa de uma guerra apocalíptica, Sam e Dean percebem que têm a exaustiva tarefa de caçar centenas de demônios que escaparam do Portão do Inferno. Bobby conta aos garotos sobre uma série de acontecimentos ocorridos em Nebrasca que parecem ser obra de sete demônios que na verdade são manifestações dos Sete Pecados Capitais.

O retorno de Supernatural anuncia o Apocalípse! Muita calma, pois Sam e Dean estão prontinhos para caçar e destruir todos os demônios que foram libertados no final da segunda temporada. Sam então, com apenas um ano de vida lhe restando, graças ao pacto que fez para salvar Dean, decide aproveitar o tempo que lhe resta ao máximo e não mede as conseqüências. E Sam não consegue se conformar, tentando a todo custo encontrar uma maneira de livrá-lo do pacto. No seu primeiro embate com os demônios, eles enfrentam os terríveis sete pecados capitais. E o seu triunfo só foi possível com a ajuda da misteriosa Ruby. A série tem tudo para ter uma terceira temporada excelente, aproveitando esse gancho dos demônios que escapuliram e o desconhecimento de Dean e Sam do que eles são capazes!

* Comentários por Juliana Ramanzini

Por Davi Garcia

SÉRIES: Notas e Comentários da semana domingo 30 setembro, 2007

Posted by Dude in Big Bang Theory, Bionic Woman, Cane, Chuck, Gossip Girl, Grey's Anatomy, Heroes, House, Journeyman, K-Ville, Prison Break, Private Practice, Séries, The Office.
2 comments

Com a estréia da temporada de séries nos EUA é praticamente impossível fazer comentários individuais sobre todas que tentarei acompanhar, portanto a partir deste domingo farei um post com notas e comentários curtos sobre tudo o que vi durante a semana.

Atenção! Todas as séries abaixo são inéditas no Brasil

Chuck Ep. Piloto

Sinopse:Chuck Bartowski vive uma vida normal até o dia em que acidentalmente ‘baixa’ arquivos secretos do governo em seu cérebro. Agora ele terá que dividir sua vida entre o trabalho como vendedor de uma loja e o de agente da CIA.

O que achei: Ao rever o piloto da série, a conclusão mais óbvia é de que apesar de ter uma trama bastante inverossímil e até mesmo boba, a série consegue divertir remetendo-nos àquele clima gostoso dos áureos tempos da saudosa Alias. Não sei se a série se sustenta, mas se a história conseguir fugir de tramas óbvias as chances são boas. Ah, e o 2º episódio trará uma ligação com Lost… quer atração maior que essa?

The Big Bang Theory Ep. Piloto

Sinopse: Uma jovem esperta e descolada mostra a dois nerds o quão pouco eles sabem da vida.

O que achei: Outra série que eu já havia visto antes da estréia e que resolvi rever esta semana. Não traz absolutamente nada de novo para o gênero cômico, mas a dupla de nerds e a simpática lorinha Penny usam e abusam de textos simples mas engraçados, transformando a série em uma boa surpresa. Se ainda não viu, dê uma chance.

Heroes Ep. 2×01 – Four Months Later

Sinopse: Quatro meses depois dos eventos que culminaram no confronto entre Sylar e Peter, novos Heróis surgem. Hiro permanece no passado, e surpreende-se ao encontrar o mítico Takeso Kensei. No presente um rosto conhecido se despede e alguém que pensávamos estar morto ressurge. Claire em nova escola e mesmo tentando permanecer discreta acaba chamando a atenção de um estudante local. Outros heróis são apresentados.

O que achei: Falta ritmo ao episódio de estréia da 2ª temporada e o roteiro comete erros que já comprometeram a história da 1ª. Fica óbvio que falta muita coisa para preparar o terreno do arco que conduzirá a trama da temporada. Onde está o grande novo vilão? O segmento envolvendo Hiro no passado encontrando Kensei parece-me por enquanto o maior atrativo da trama. Será que o 2º episódio esquenta as coisas de vez?

K-Ville Ep. 1×02 – Cobb’s Web

Sinopse: Boulet e Cobb tem que recapturar fugitivos da penitenciária de Nova Orleans, mas a caçada logo revela que há uma conspiração por trás da fuga.

O que achei: Já neste 2º episódio a série infelizmente perde ritmo e deixa de lado o drama dos habitantes de Nova Orleans apostando em uma trama conspiratória sem graça que coloca a dupla de policiais em um jogo de gato e rato sem apelo. Tomara que apresentem algo melhor no 3º ou então o risco de fracasso começará a ficar mais eminente.

Journeyman Ep. Piloto

Sinopse: A vida de Dan Vassar muda quando ele começa a ser puxado de volta ao passado sem entender como ou porque.

O que achei: Exageros à parte eu gostei do piloto da série. Óbvio dizer que o tema não é nada inédito, mas confesso que sempre me seduz. Só uma coisa me incomodou nas constantes idas e vindas do personagem. Nenhum conhecido com quem ele encontra no passado estranha sua aparência envelhecida, nem que isso signifique 10 anos a mais para ele.

Prison Break Ep. 3×02 – Fire/Water

Sinopse: Michael e Mahone tentam atrair o misterioso Whistler para fora de seu esconderijo. T-Bag ganha um pouco mais de status na hierarquia da prisão quando o suprimento de água diminui. Lincoln encontra um rosto familiar e outro nem tanto durante sua jornada para libertar Michael.

O que achei: Certamente menos movimentado que a estréia da temporada, mas só o fato de já terem apresentado o tal Whistler já me deixa animado para a continuidade da trama. Estou cada vez mais curioso para saber qual será o plano de Scolfield para fugir de Sona. Ponto negativo do episódio? Bellick tendo seu suplício aliviado. Ele merecia mais uma humilhaçãozinha, não?

House Ep. 4×01 – Alone

Sinopse: Com seu time de diagnósticos totalmente desfeito, House tenta diagnosticar o estranho quadro clínico de uma jovem mulher que sobreviveu ao desabamento de um prédio. Com a situação ficando cada vez pior, Cuddy coloca pressão em House para que ele contrate um novo time, mas em vez disso ele tenta um diagnóstico diferente com a ajuda do zelador do hospital.

O que achei: Que o Hugh Laurie é fantástico muita gente já sabe, mas esse episódio prova que mesmo sem sua equipe de diagnósticos ele carrega a série sozinho com extrema facilidade. E como duvidar que o processo de seleção que se iniciará trará episódios ainda mais divertidos e repletos de casos bizarros? Aliás será que é pedir muito voltar a ver uma história envolvendo novatos como o do premiado episódio 1×21 “Three stories” ?

Cane Ep. Piloto

Sinopse: Pancho Duque construiu um império baseado no açúcar e no rum graças ao trabalho duro desde que chegou aos EUA vindo de Cuba. Contudo, agora doente e já velho, Pancho tem que passar o comando do negócio da família para um de seus filhos, o que causa ciúmes e rivalidade entre o clã.

O que achei: O tema certamente é pouco atraente para a maioria, mas a série é boa demais acreditem. Há todo um climão de filmes de máfia e o brilhante time de atores certamente ajuda a garantir um peso ainda maior à história sobre a eterna disputa de poder em famílias poderosas e cheias da grana, isso sem falar na idéia de ver latinos se dando bem na América, claro. Estréia em novembro aqui no Brasil, mas eu resolvi acompanhar desde já.

Bionic Woman Ep. Piloto

Sinopse: Jaime Sommers é uma jovem que trabalha para cuidar de sua irmã mais nova e tenta dar seqüência a um relacionamento amoroso recente. Sua vida vira do avesso depois de sofrer um terrível acidente e carro que a deixa com graves ferimentos. Sua única chance de sobreviver? Receber implantes biônicos de um projeto secreto do governo para o qual seu namorado trabalha e que lhe dará incríveis habilidades que lhe cobrarão um alto preço a ser pago.

O que achei: Tem tudo para ser a nova Heroes da temporada em termos de hype, mas só se mudanças drásticas forem feitas na estrutura da série que em certos momentos fica pretenciosa demais e sem rumo. Uma coisa é certa. A protagonista da série vai precisar de mais do que partes biônicas e um belo par de olhos claros para conquistar minha atenção nos próximos episódios.

Gossip Girl Ep. 1×02 – The Wild Brunch

Sinopse: Não há nada que a Gossip Girl goste mais do que uma boa briga de mulheres. No calor da confusão causada na festa do beijo, Blair diz a Serena que sabe que ela dormiu com seu namorado Nate antes de desaparecer misteriosamente. Sem abalar-se Serena decide levar Dan ao brunch oferecido pelo rival Chuck e Jenny busca conselhos de Blair que percebe que pode usá-la ao permitir que ela faça parte do seu ‘clubinho’.

O que achei: O 2º episódio revela que a série realmente não tem nada que já não tenhamos visto em filmes em que jovens ricos vivem na ilusão aparente do bem estar escondendo seus piores pecados e recriminando outros, mas o texto ágil aliado à narrativa cativante de Kristin Bell faz da série um retrato divertido sobre a podridão da elite nova iorquina. Pena que passe na CW e a queda de audiência já jogue uma sombra de incerteza sobre seu futuro.

private practice Ep. 1×01 – In Which We Meet Addison, A Nice Girl From Somewhere Else

Sinopse: Addison aceita a oferta de trabalho recebida em Los Angeles e se demite do Seattle Grace. No novo trabalho dela vemos um pai frustrado de uma garota de 15 anos grávida que acaba de entrar em trabalho de parto; Uma mulher chamada Leslie acompanhando o trabalho dos médicos na tentativa de reviver o homem com que estava prestes a noivar, e uma mulher chamada Maria que tenta impedir a amante de seu falecido marido de tirar dinheiro dele.

O que achei: Fato. A Shonda Rimes que escreve Grey’s Anatomy não pode ser a mesma que escreve este spin-off. Private tem um texto desinteressante, personagens nada carismáticos e tramas que em nada lembram o nível de dramaticidade ou graça das do Seatle Grace. Darei uma última chance à série esta semana. É tudo ou nada.

grey's anatomy Ep. 4×01 – A Change is gonna Come

Sinopse: Entrando em seu 1º ano como residentes, Meredit, Cristina, Izzie e Alex tem seus próprios times de internos para liderar. Dentre eles está George, forçado a repetir o internato depois de falhar nos testes e Lexie Grey, meio irmã de Meredith. Um grande acidente de carro rapidamente coloca todos os novatos para trabalhar e vemos Cristina procurando Burke, Richard reassumindo a posição de cirurgião chefe, Derek e Meredith encarando mais um impasse no relacionamento e Bailey lidando com a decepção de não ver as coisas acontecendo no hospital do jeito que ela gostaria.

O que achei: Muito bom o retorno dos médicos do Seattle Grace. Tivemos Izzie insegura em sua nova posição, Cristina dando uma de durona depois do sumiço de Burke, Bailey fazendo tortura psicológica com o chief, Derek e Meredith bagunçando mais a relação e a chegada de Lexie, prometendo agitar ainda mais o ambiente. Achei bastante interessante colocarem cada um dos 4 residentes reproduzindo o que Bailey havia feito com eles a 3 anos atrás e para não dizer que não há falha nesse retorno digo que a insistência em apostar no triângulo Izzie, George e Torres dá sono.

theoffice Ep. 4×01 – Fun Run

Sinopse: No episódio especial de estréia da 4ª temporada, um bizarro acidente envolvendo Michael e Meredith, o faz acreditar que o escritório esteja amaldiçoado e ele começa a questionar as crenças religiosas de seus empregados. Os relacionamentos do escritório também são explorados, com a revelação do romance entre Pam e Jim e o abalo do romance entre Dwight e Angela depois que a gata de estimação da loira morre.

O que achei: Sensacional. A turma da Dunder Mifflin voltou com todo o gás. Morri de rir com Michael creditando à uma maldição os acontecimentos que ele mesmo provoca. Aliás impossível não rir na sequência em que ele visita Meredith no hospital e exige que ela o perdoe na frente de todos por tê-la atropelado. Outro ponto alto foi Dwight matando a gata de Angela e defendendo-se ao dizer que às vezes é necessário acabar com a dor de um animal moribundo, o que ele tenta replicar com Meredith no hospital. Jim e Pam assumindo o relacionamento? Tava na hora… Quero mais episódios de 40 minutos como esse 🙂

Por Davi Garcia

K-VILLE (Série) sábado 22 setembro, 2007

Posted by Dude in K-Ville, Séries.
3 comments

Ep. Piloto (Inédito no Brasil)

Sinopse: Dois anos depois do furacão Katrina ter arrasado a cidade de Nova Orleans, poucos continuam no departamento de polícia da cidade. Esses poucos policiais no entanto, estão determinados a trazer a vida de volta à Nova Orleans, então conhecida como K-Ville (Katrinaville), e eliminar o crime e os danos remanescentes. Na estréia da série, os policiais Cobb e Boulet saem à caça do assassino de uma cantora local durante um evento que visava levantar fundos para caridade.

K-Ville

Para ser simples e direto, K-Ville é um bom drama com elementos que tem chances de consolidá-la como uma série respeitável e que por tabela divirta provocando algumas reflexões interessantes. É prematuro dizer se terá vida longa, mas é sem dúvida uma iniciativa digna de nota já que o desastre que quase acabou com a histórica cidade de Nova Orleans é ainda hoje uma ferida aberta nos EUA e que gera debates na mídia.

O piloto dá o cartão de visitas nos apresentando uma série que consegue transformar o doloroso processo de reconstrução e recuperação de vidas e histórias em um bom drama de ação sobre a busca pela segunda chance. Contando com a dupla de policiais Marlin Boulet (Anthony Anderson numa atuação correta) e Trevor Cobb (Cole Hauser), como protagonistas, a série convence que a ficção por vezes pode sim extrapolar a realidade. Gostei da decisão dos produtores de não quererem explicar coisas demais logo de primeira, pois entendo que K-Ville fique mais interessante ao nos revelar pouco a pouco o desenvolvimento dos personagens no fantástico cenário da mítica cidade de Nova Orleans. Se ainda não viu, veja.

Curiosidade: Dois personagens de Lost participam especialmente do piloto da série. São eles, Ethan Rom (William Mapoter) e Bernard (Sam Andersonl). Outro rosto conhecido e que será regular na série, é o da atriz Twany Cypress, mais conhecida como a Simone da 1ª temporada de Heroes.

Por Davi Garcia